sábado, 7 de fevereiro de 2009

Risadas Contadas com Desgosto


Sejamos todos convidados da grande festa. As fantasias serão os tolamente alegres palhaços, os sorrateiros e desbocados bufões, os tristes e loucos pierrots. Pegue sua roupa e entre logo. Se demorares muito não entenderás as risadas contadas com desgosto.

O cômodo é pequeno. Jamais seria o suficiente para tantos olhos inquietos. Nas paredes correm os gargalhantes palhaços. Agridem uns aos outros, reclamam, amaldiçoam, trapaceiam e mentem. Sempre entre gostosas risadas e expressões inesperadas. Mas choram derrotados quando são eles o centro das maldades.
No chão ficam os bufões. Contam histórias tão cruas que são considerados tolos mentirosos. Espreitam de um lado a outro, sussurrando verdades entre reverências exageradas. Não se sabe ao certo se divertem com suas fábulas tolas, ou se são uma ameaça ao semear palavras nuas.
No teto divagam os pierrots. Cada um pensa em sua amada Columbine. Abandonados por seus corações e enlouquecidos. Comentam sobre locais de beleza infinita, parecem perceber detalhes invisíveis a outros. Por um único segundo voltam à realidade, mas a dor é tão grande que enlouquecem novamente. Divagam, cada um com uma solitária lágrima molhando o rosto.

Pegue sua fantasia e entre logo, antes que a eternidade se vá e a eles não mais possas se juntar.

2 comentários:

  1. As minhas palavras sibiladas costumam ser breves, porém vou me deter um pouco já que fui surpreendida por um espaço diferente. E tudo que soa diferente me intriga e me atrai. Costumo dar vazão ao mistério, ao enigma, ao desconhecido... o óbvio não me interessa. Espero ter ouvido as palavras que proferi. E, assim por acaso, hoje não estou imersa na min ha própria loucura, resolvi investigar a dos outros. Abraços, Pierrot! Meu perfume fica logo ali, se quiser sentir o aroma dia desses... Luciana (http://perfumedeafrodite.zip.net)

    ResponderExcluir
  2. quem nos põs na festa?
    quando ela acaba?
    quem é o anfitrião?

    acaso interessa saber? vai mudar alguma coisa?

    parabéns pela analogia! desde o dia que nascemos até o dia que morremos vivemos em um salão como este e sequer percebemos!

    ResponderExcluir

Queres sussurar algo ao Pierrot? Vá em frente, mas talvez ele esteja demasiadamente imerso na própria loucura para escutar suas palavras sibiladas...